Copy
univisa superior
Filie-se à Associação

visite:
http://www.univisa.org.br
CONVOCAÇÃO

O Presidente da ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES DA ANVISA, no uso de suas atribuições, convoca os servidores para reunião aberta:
 
 DATA: 09/03/2017 – quinta-feira;
 LOCAL:  "hall" de entrada do bloco D (portaria) da Anvisa sede;
 HORÁRIO: 15h00min
 
 
PAUTA:  Informes e Discussão sobre os temas:

1.  PROJETO DE LEI DO SENADO nº 34 de 2017 de autoria da Senadora Rose de Freitas (PMDB-ES), ementa, Altera a Lei nº 6.360, de 23 de setembro de 1976, que dispõe sobre a vigilância sanitária a que ficam sujeitos os medicamentos, as drogas, os insumos farmacêuticos e correlatos, cosméticos, saneantes e outros produtos, e dá outras providências, para permitir alterações nas embalagens e na composição de medicamentos, após o seu registro, sem autorização prévia da autoridade sanitária, nos casos que especifica.;

2. Interrupção do processo de mudança da Anvisa Sede para o PO700, e o projeto da Anvisa de uma edificação melhor que a atual e/ou a busca por uma sede própria;

3.  Campanha de filiação;

4. Eleições para composição de nova Diretoria para o próximo triênio: 2017 - 2020.
              
OBS:
A Assembleia será aberta a todos os servidores.


HENRIQUE MANSANO ROSA OLIVEIRA
Diretor-Geral da Univisa
RESULTADOS DA ENQUETE SOBRE O SIREF

A Univisa agradece aos associados que colaboraram com a enquete sobre a revisão do Siref e informa que no total foram recebidas 79 sugestões,  sendo 58 relativas ao funcionamento do Siref na Sede e 21, em PAF.

Os resultados da enquete foram apresentados à Gerência Geral Gestão de Pessoas (GGPES) em reunião realizada na última terça-feira 21/2. As sugestões foram bem recebidos pela Gerente-Geral, Aline Fernandes das Chagas, ela esclareceu a grande maioria dos pontos levantados na enquete, destacando que já estão contemplados no projeto de revisão do Siref, sendo que poucos pontos apresentam restrições em virtude de lei ou estão pendentes de definição.

O ritmo dos trabalhos está bastante acelerado e a intenção da GGPES é concluir o projeto em meados de março quando será submetido à apreciação superior, que definirá os próximos passos.
As próximas prioridades da GGPES a serem trabalhadas são a revisão da norma de P&P ainda no primeiro semestre e discussão sobre viagens a serviço visando a regulamentação do tema na Casa (segundo semestre). A Univisa já está se organizando para trabalhar esses temas com os servidores e apresentar contribuições de melhoria e que reflitam os anseios da base.

Acesse o relatório da enquete encaminhado a GGPES clicando aqui.

CONSIDERAÇÕES SOBRE PAF

Ao participarem da enquete sobre o Siref, alguns servidores aproveitaram a oportunidade para apresentar considerações e sugestões referentes à PAF. Essas informações foram compiladas num documento próprio e apresentadas à GGPES na reunião (21/2). Acesse o documento clicando aqui.

As sugestões fazem referência a plano de capacitação para PAF, adicionais noturno, de insalubridade e periculosidade, além de banco de horas e tele trabalho. A Gerente-Geral aproveitou para esclarecer alguns pontos importantes relativos à interface GGPES-PAF.

A GGPES está trabalhando para melhorias para PAF e o tema tem sido discutido primeiramente no âmbito da Diretoria supervisora, a Dimon para, a partir dos levantamentos realizados, ser estruturado o projeto.

No tocante às considerações sobre capacitação em PAF, fomos informados que as sugestões apresentadas são positivas e que possuem potencial para serem incorporadas. A GGPES esclareceu que em 2016 todos os pedidos de capacitação individual de servidores da PAF receberam a mesma atenção e tratamento que as solicitações relativas a servidores da Sede e que todas foram aceitas contemplando-se inclusive curso de pós-graduação.

Fomos informados também que já está em andamento um projeto para resolver o problema dos adicionais de insalubridade e periculosidade em PAF. O projeto conta com a participação da unidade do Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor (SIASS) e de médicos com especialização em medicina do trabalho, para avaliação dos postos e elaboração de laudos. A Gerente-Geral esclareceu que a agenda de avaliações está sendo elaborada devendo iniciar no segundo semestre, seguindo prioridades estipuladas junto à DIMON.

A questão do tele trabalho, que representa uma tendência no serviço público, já está em andamento na Casa e apresentando bons resultados, levando outras áreas a se estruturarem para ingressar no Projeto. É importante lembrar que essa modalidade de trabalho não é compatível com a natureza das atividades desenvolvidas em alguns setores da Agência, bem como não se aplica a algumas situações em PAF. Para os casos viáveis, foi lembrada a importância de se cumprir as etapas e requisitos necessários para implantação do tele trabalho na Agência, tais como o estabelecimento de metrificação dos processos e de metas, dentre outras questões administrativas.

Sobre banco de horas e recesso de final de ano em PAF, foram apontadas questões legais relativas ao regime de plantão e à necessidade de manutenção dos serviços para atender as demandas que geralmente são maiores em portos e aeroportos nesse período do ano.

VISITA AO TCU

A Univisa participou de visita de benchmarking realizada por representantes da GGPES ao Tribunal de Contas da União (TCU) na última sexta-feira, 17/2. Foi uma experiência muito positiva. O TCU está na vanguarda do serviço público, sendo pioneiro na adoção de sistemas e modelos que, apesar das particularidades relativas ao Poder (independente) no qual o Tribunal está inserido, são posteriormente convertidos em iniciativas no âmbito do Poder Executivo, como o trabalho fora das dependências do Tribunal, conhecido na Esplanada como tele trabalho.

A partir do conhecimento da experiência do TCU na implantação do controle eletrônico de frequência foi possível identificar pontos importantes, estes podem ser adotados pela Anvisa elevando o nosso modelo a outro patamar.

Conheça os pontos principais clicando aqui.
Você colega se sente representado pela Univisa? Associe-se
 
Prezado colega, Para efetivar sua associação à Associação dos Servidores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (UNIVISA) é necessário que preencha o formulário eletrônico http://www.univisa.org.br/cadastro.php, no final clique em “Cadastrar”.

Em seguida solicitamos que efetue depósito/transferência bancária no valor de R$ 60,00, a título de pagamento da ANUIDADE, na conta da Univisa (Banco do Brasil -001, Agência nº. 1507-5, Conta Corrente nº. 56.451-6,   CNPJ: 12.234.733/0001-70.

Uma cópia do comprovante deve ser enviada para o e-mail:
financeiro@univisa.org.br.

Informativo da Univisa
Ano VII nº 201 – 07/março/2017
Diretor-geral: Henrique Mansano
Redação e edição: Renato Ponte e Ana Julia Pinheiro
Distribuição: Univisa
Brasília - DF

Copyright © 2017 Associação dos Servidores da Anvisa, All rights reserved.


Want to change how you receive these emails?
You can update your preferences or unsubscribe from this list

Email Marketing Powered by Mailchimp