Copy
Se não conseguir visualizar esta newsletter, clique aqui

— INFORMAÇÃO —

REABERTURA AO PÚBLICO


Museu de Lisboa reabre a 18 de maio com todas as condições de segurança
 
O Museu de Lisboa reabre no dia 18 de maio, Dia Internacional dos Museus: Palácio Pimenta, Santo António, Teatro Romano e Casa dos Bicos. A exposição Corpus Christi, instalada no Convento da Graça, volta a abrir ao público no dia 20 de maio. 

Até ao final de maio, a entrada é gratuita em todos os espaços.

horário mudou ligeiramente: todos os nossos núcleos estão abertos das 11h às 17h, de terça-feira a domingo - bem como a exposição Corpus Christi - com a exceção da Casa dos Bicos, que está aberta de segunda a sexta-feira, no mesmo horário.

Reabrimos em segurança, seguindo todas as orientações da Direção-Geral da Saúde e da legislação em vigor relativas às medidas preventivas da pandemia da COVID-19.

Para garantir a segurança tanto dos visitantes como da equipa, o Museu de Lisboa implementou um conjunto de medidas:
- Limitação do número máximo de visitantes;
- Uso obrigatório de máscara dentro dos edifícios;
- Em todos os núcleos, o desinfetante para as mãos é disponibilizado em locais acessíveis;
- A entrada de grupos com mais de 5 pessoas deverá ser faseada e as atividades educativas terão um limite máximo de 8 participantes;
- Respeitar uma distância de segurança de 2 metros entre visitantes;
- Pagamento preferencial com cartão através dos terminais multibanco com tecnologia contactless.

Para assinalar o Dia Internacional dos Museus, o Museu de Lisboa propõe um percurso pelas ruas da cidade, um dos muitos que fazem parte do extenso programa de percursos orientados por Lisboa.
Atendendo às circunstâncias, o percurso acontecerá no dia 18, no Facebook do Museu de Lisboa e da Câmara Municipal de Lisboa, às 11h00. Convidamos todos a percorrerem Lisboa, sem sair de casa, acompanhando o percurso «Fadistas, marinheiros, bandidos e devotos». Em frente ao Museu do Fado, onde se fala de fadistas e do fado da rua, o Chafariz de Dentro é o ponto de partida antes de se entrar na Alfama dos marinheiros, piratas e bandidos e da vida bairrista. Um percurso que nos leva à devoção a Santo António, visível em diferentes locais por onde se passa e especialmente no Museu de Lisboa - Santo António, onde termina esta viagem. 

O Museu de Lisboa continua atento às recomendações das autoridades de saúde nacionais relativas à evolução da COVID-19, que seguirá rigorosamente.

Só com a sua colaboração podemos garantir a segurança de todos.

Boa visita!

David Felismino, diretor-adjunto do Museu de Lisboa, fala-nos
sobre as medidas de segurança extra adotadas nesta reabertura

O Museu de Lisboa, equipamento gerido pela EGEAC, é um museu polinucleado no qual Lisboa e as suas histórias se revelam sob diferentes perspetivas.
São cinco os núcleos do Museu de Lisboa: Palácio Pimenta, Teatro Romano, Santo António, Torreão Poente e Casa dos Bicos.
Cinco espaços distintos, com valências e objetivos complementares, que partilham uma missão, uma identidade e uma nova imagem. O propósito é o de revelar Lisboa de diferentes formas, para dar a conhecer a riqueza de uma das cidades mais antigas da Europa.
Em 2019, o Museu de Lisboa recebeu 185 mil visitantes. 

Website
Email
Facebook
instagram
Twitter
Copyright © 2020 EGEAC, Museu de Lisboa, All rights reserved.


Pode
atualizar as suas preferências desta newsletter ou se desejar parar de receber a mesma clique aqui.

Email Marketing Powered by Mailchimp